Recital: Juan Diego Flórez (Palais Garnier, 2017)

Juan Diego Flórez não estava em boas condições de saúde para fazer este recital, isso era mais que visível e originou momentos caricatos, mas acabou por fazer um recital maravilhoso. Acompanhado pelo pianista Vincenzo Scalera, cantou canções de Rossini e Leoncavallo, assim como árias de Rossini, Verdi, Puccini, Mozart e Massenet. Mas o bis foi igualmente soberbo: antes de terminar com Una furtiva lagrima de Donizetti, cantou, acompanhando-se à guitarra, três clássicos da música da América Latina, entre os quais "Cucurrucucú paloma" (Tomás Méndez, 1954) e "Malagueña salerosa". Paris 4,5/5
Programa
Gioacchino Rossini 
La Lontananza, Bolero, Addio ai Viennesi 
Wolfgang Amadeus Mozart 
Ich baue ganz auf deine Stärke (Die Entführung aus dem Serail) 
Vado incontro (Mitridate, re di Ponto) 
Gioacchino Rossini 
Che ascolto ahime... Ah come mai non senti... (Otello) 
Ruggero Leoncavallo 
Aprile, Vieni, amor mio, Mattinata Giacomo 
Puccini 
Avete torto… Firenze è come un albero fiorito (Gianni Schicchi) 
Che gelida manina (La Bohème) 
Jules Massenet 
Pourquoi me réveiller (Werther) 
Giuseppe Verdi 
La mia letizia infondere (I Lombardi) 
De' miei bollenti spiriti… O mio rimorso (La Traviata)

Sem comentários:

Enviar um comentário