Billy Lynn's Long Halftime Walk (Ang Lee, 2016)

Com um título destes o filme tem mais dificuldades em ultrapassar o secretismo com que tem sido lançado. Em Paris é exibido em apenas quatro salas. Mas este último filme de Ang Lee é uma discreta maravilha, que vai provavelmente ganhar um estatuto de culto com o tempo. Conta a tourné pela América de um grupo de soldados condecorados por atos de bravura na guerra do Iraque. Mas nessa digressão são engolidos pela máquina do show bizz, acabando estes heróis por serem figurantes de um show das Destiny's Child de Beyoncé. O filme suscita muitas questões interessantes, pelo menos é mais profundo do que A Odisseia de Py, a anterior obra de Lee. Paris 3,5/5

Sem comentários:

Enviar um comentário