The Commune (Thomas Vinterberg, 2016)

Um casal (um arquiteto/professor, uma apresentadora de televisão) recebe de herança uma grande casa. Resolvem partilhá-la com vários amigos de longa data em regime de comunidade democrática. Mas esse espírito é posto em causa quando o casal tem de separar-se e a nova companheira do herdeiro da casa entra na comunidade. Apesar de Anna, a mulher traída, ocupar muito espaço no final da narrativa, trata-se no essencial de um retrato de grupo e mesmo de geração. Muito bom. Paris 3,5/5

Sem comentários:

Enviar um comentário