Opera: Die Zauberflöte (Bastille, 2017)

Nunca tinha visto A Flauta Mágica de Mozart num teatro. A Opéra de Bastille encheu-se de crianças para ver esta ópera de árias conhecidas, que toda a gente conhece e que os mais jovens apreciam. No fundo é um conto infantil, com maus e bons, um príncipe e uma princesa, uma rainha, e uma viagem de dois companheiros (o príncipe Tamino e o caçador Papageno) em busca de companheira num mundo mágico. A encenação de Robert Carsen privilegia o despojamento possível, com cores da terra: o castanho e o verde. Muito bom. Paris 4/5

Sem comentários:

Enviar um comentário