Jiri Kylián (Palais Garnier, 2016)

O Ballet da Opéra de Paris apresenta por estes dias um programa triplo dedicado a Jiri Kylián. A primeira coreografia, Bella Figura (1995) foi a que mais entusiasmou, pela beleza plástica e coreográfica e também pela músicas selecionadas. As outras duas obras foram Tar and Feathers (2006) e a antiga Symphonie de Psaumes (1978), que se inspira na peça homónima de Igor Stravinsky. Paris 4/5

Sem comentários:

Enviar um comentário